Yoga - Porquê e como ajuda a ter boa visão?

O yoga ajuda a ter uma boa visão. Trabalhe regularmente os olhos com simples exercícios de yoga em casa, e em pouco tempo. Fique a saber mais!

 

Yoga - Porquê e como ajuda a ter boa visão?

 

Sabia que há exercícios de yoga que podem ajudá-lo a ter uma melhor saúde ocular? São simples e rápidos, como revirar os olhos ou relaxar olhos e a cara. 

O yoga é um conceito que tem como objetivo o desenvolvimento físico e mental de quem o pratica. Envolve trabalhar posturas corporais, fazer exercícios de respiração, relaxamento e meditação

Mas afinal como pode o yoga ajudar na saúde dos seus olhos? Não é comum alguém se lembrar de exercitar os olhos. E, embora o yoga seja já bastante popular, também não é intuitivo associar o yoga à saúde ocular.

músculos que ligam o olho à sua órbita, para o ajudar a mover-se em diferentes direções. Quando lemos ou passámos muito tempo a olhar para ecrãs, por exemplo, acabamos por desgastar estes músculos e sentimos a vista cansada.

Uma das melhores formas de exercitar os olhos, e combater este cansaço visual, é através de exercícios de yoga. E porquê? Como já referi, o yoga está relacionado com técnicas de relaxamento, que trabalham o corpo e a mente, e os olhos não são exceção.

A boa notícia é que os exercícios de yoga para os olhos são bastante simples de executar. Podem (e devem) ser praticados por qualquer pessoa. Isto porque mesmo que não sofra de nenhuma doença ocular, use ou não óculos, existem grandes possibilidades de ter a vista cansada. Por isso comece já a praticar, pela sua saúde!

 

Benefícios do yoga para os olhos

O quotidiano da maioria das pessoas acaba por ser muito exigente para os seus olhos. Passamos hoje em dia muito tempo de olhos postos no computador, no telemóvel, na televisão e/ou a ler. Todas estas ações diárias acabam por desgastar bastante os olhos. Para além disso, os músculos oculares acabam por não ser exercitados como deviam, o que prejudica a saúde ocular. 

Problemas oculares associados ao avançar da idade, estão relacionados com a perda de flexibilidade dos músculos dos olhos. Ficam mais rígidos e tendem a fixar-se em padrões mais habituais, o que resulta numa maior dificuldade em ver bem a diferentes distâncias.

Como é um conceito baseado em relaxamento e concentração, o yoga traz variados benefícios para os olhos, tais como: 

  • Alivia a vista cansada pelo uso excessivo de dispositivos eletrónicos, fazendo com que os olhos fiquem mais relaxados;
  • Exercita a musculatura ocular, evitando que os músculos fiquem mais rígidos e percam flexibilidade;
  • Estimula a produção de fluído lacrimal, o que por sua vez promove a limpeza e lubrificação do globo ocular;
  • Ajuda a evitar os olhos secos (produção insuficiente da lágrima, o que limita o desempenho dos olhos em tarefas quotidiano);
  • Exercita a visão periférica, melhorando-a;
  • Ajuda a superar alguns problemas de visão associados à miopia e à hipermetropia;
  • Ajuda na Prevenção de doenças oculares.

 

Exercícios de yoga para os olhos

Há vários exercícios de yoga que pode fazer em qualquer lugar para ajudá-lo a melhorar a sua condição visual. Não precisa de um instrutor nem de material. Vai arranjar desculpas? Veja o que pode começar a fazer já.

  1. Usar as palmas das mãos - Esfregue uma mão na outra, durante cerca de 15 segundos, até ficar com as mãos quentes. Coloque as mãos nos olhos, com as pontas dos dedos na testa, as palmas nas pálpebras e a parte inferior das mãos nas bochechas. Nunca toque diretamente nos olhos. Feche os olhos, respire fundo e relaxe. Imagine a escuridão a ser absorvida pelos olhos e deixe-se levar por esta estimulação visual. Deixe ficar as mãos nos olhos durante alguns segundos, num máximo de cinco minutos. Quando quiser parar, retire as mãos da cara, abrindo os olhos lentamente.
  2. Revirar os olhos - Sente-se com as costas direitas e respire calmamente. Relaxe os olhos e a cara. Sem mover a cabeça, olhe para cima. Devagar, rode os olhos de acordo com o sentido dos ponteiros do relógio. Foque-se em objetos perto de si, fazendo movimentos delicados e fluidos. Repita o exercício três vezes. Depois faça o exercício revirando os olhos no sentido oposto ao dos ponteiros do relógio.
  3. Mudança de foco - Relaxe e respire confortavelmente. Segure um braço esticado à sua frente com o pulso solto e o polegar a apontar para cima. Foque-se no polegar. Com os olhos sempre fixados neste dedo, mova o polegar lentamente em direção ao nariz, até que deixe de conseguir focar-se no dedo. Faça uma pausa, respirando uma ou duas vezes fundo. Depois retome a posição do braço (antes de o ter esticado), mantendo-se focado no polegar. Repita o exercício até dez vezes.
  4. Olhar para longe - Olhe para longe. Se estiver em casa, olhe pela janela. Foque-se num objeto, mantendo a cara e os olhos relaxados. Respire fundo e altere o foco, concentrando-se noutro objeto distante. Vá alternando entre diferentes objetos distantes, fazendo pequenas pausas sempre que muda de foco.

 

Todos nós submetemos os nossos olhos a diferentes tipos de tarefas ao longo do dia. Os olhos estão ligados a músculos e é preciso exercitá-los para que tenham o melhor desempenho possível. Estes exercícios são simples e podem ser praticados por qualquer pessoa, em qualquer momento do dia, e lugar. Por isso, se quer cuidar bem da sua saúde ocular, para além de consultar profissionais de saúde e usar lentes apropriadas (se for o caso), deve também praticar yoga para exercitar os seus olhos.


Também lhe pode interessar:

 

 
Fernando Nunes
 
Optometrista